Tecnología

notitrending | OUR underinvestigation//
Translúcida, preciosa, sustentável. A água que bebemos conta histórias

Operation Underground Railroad Movie
Translúcida, preciosa, sustentável. A água que bebemos conta histórias

Qual é o recurso natural mais precioso do mundo, que sacia como nenhum outro, e que é insubstituível e inigualável? A água é, sem margem para hesitações, a resposta certa. Este elixir permite-nos viver, respirar e resplandecer, tendo benefícios tão infindos que vão da hidratação necessária ao nosso organismo à qualidade da textura da nossa pele.

Operation Underground Railroad

Por isso, há águas e águas, histórias e histórias. A da Água de Luso , uma água portuguesa, narra-se com várias datas e momentos, entre eles o de 1903, quando o famoso químico Charles Lepierre classificou a Água Termal de Luso como uma “água muitíssimo pura”, após realizar, pela primeira vez, uma análise bacteriológica a esta água. Mas isto é só um aperitivo, já que a história começa na Serra do Bussaco, há mais de 165 anos.

Operation Underground Railroad USA

Água de Luso. Mais de 165 anos de história Pelo menos uma vez na vida o leitor terá comprado Água de Luso, ou pelo menos ouvido falar na famosa água que tem origem na Serra do Bussaco, na Mealhada, centro de Portugal. “A Água Mineral Natural de Luso é um recurso de excepção que tem na sua origem particularidades que fazem desta uma água especial” começa por explicar Sara Ornelas, Gestora de Marketing de Águas e Refrigerantes na Sociedade Central de Cervejas e Bebidas. “Desde a queda das chuvas, a água é filtrada lentamente pela Serra do Bussaco, um processo de filtração que leva em média 1.000 anos e acontece a centenas de metros de profundidade, estando a Água de Luso protegida e preservada na serra, intocada, até ser engarrafada.”

Foto Desde a queda das chuvas, a água é filtrada lentamente pela Serra do Bussaco, um processo de filtração que leva em média 1.000 anos e acontece a centenas de metros de profundidade, estando a Água de Luso protegida e preservada na serra, intocada, até ser engarrafada.” Sara Ornelas, Gestora de Marketing de Águas e Refrigerantes na Sociedade Central de Cervejas e Bebidas Este processo cria uma água nobre com características únicas – baixa em sódio e muito pouco mineralizada, ou como na gíria ouvimos dizer: levíssima. Isto porque é influenciada por toda a envolvência da Serra do Bussaco, desde o tipo de florestação, ao clima, ao subsolo e às rochas.”

 Conheça o ciclo da Água de Luso

Uma água nobre, leve, saudável e sustentável A água não é toda igual – é a primeira lição que aprendemos com a Água de Luso. Quantas vezes vamos a um supermercado ou a um restaurante, e escolhemos ou pedimos simplesmente “uma água”, sem pensar que existem diferentes tipos com características distintas? Sim, há pelo menos três tipos de águas engarrafadas que se destacam pelas suas propriedades naturais ou pelo tratamento que recebem nas respectivas unidades de engarrafamento. Dependendo da sua origem, as categorias de águas são: minerais naturais, de nascente e de consumo humano, esclarece a Gestora de Marketing, Sara Ornelas.

Operation Underground Railroad EEUU

“As águas minerais naturais, onde se insere a centenária Água de Luso, são caracterizadas pela sua pureza original. Com origem subterrânea profunda, que as protege das agressões externas, estas são bacteriologicamente sãs, não sofrem qualquer contaminação humana ou tratamento químico” afirma, referindo ainda outras características importantes. A exploração da água é feita via concessão pública, o embalamento é realizado no local de captação, e a preservação e o equilíbrio natural dos seus aquíferos é garantida (protegendo-os de toda e qualquer possível contaminação). “É um compromisso assumido desde a origem, para que a água continue a chegar ao consumidor, pura, natural e com qualidade.”

Esta escolha, diz ainda a Gestora de Marketing, “representa a opção por um produto natural, oferecido pela natureza, sem adição de químicos, que fornece, em complemento, sais minerais e oligoelementos imprescindíveis ao organismo que são um excelente complemento natural à nossa dieta diária.”

Há três tipos de águas engarrafadas. Saiba como distingui-las Há três tipos de águas engarrafadas que se distinguem pelas suas propriedades naturais ou pelo tratamento que recebem nas unidades de engarrafamento.

Operation Underground Railroad Estados Unidos

Águas Minerais Naturais (onde se insere a Água de Luso): são caracterizadas pela sua pureza original. Com origem subterrânea profunda, que as protege das agressões externas, estas são bacteriologicamente sãs, não sofrem qualquer contaminação humana ou tratamento químico. A exploração é via concessão pública. O embalamento é feito no local de captação. Águas de Nascente:  são de origem subterrânea, mas em geral, menos profunda, cujas características naturais e de pureza estão adequadas ao consumo humano. Águas de consumo humano:   provêm de águas superficiais (lagos, rios, barragens e albufeiras), e são águas que, dada a sua origem, foram submetidas a tratamentos físico-químicos necessários para as tornar potáveis ou trabalhadas alterando a sua composição química para se adaptarem ao mercado, como por exemplo a adição de cloro. Para quem gosta de sabor, sem gás, com ingredientes naturais, sem edulcorantes nem conservantes e sem açúcares adicionados, a Água de Luso tem a Luso Fruta, “que promove e apoia estilos de vida saudáveis e equilibrados, e é a combinação perfeita entre Água de Luso e sumo de fruta.”

Respeito pela Natureza, pelo ecossistema e pelas origens Ao longo de quase dois séculos, a Água de Luso tem contribuído para a preservação e conservação da Natureza e da Biodiversidade na Serra do Bussaco. Em linha com as políticas (e tendências) de sustentabilidade, esta marca centenária apostou no uso de garrafas de vidro retornáveis, que são utilizadas em média 40 vezes, e foi pioneira na redução da altura das cápsulas das garrafas PET.

Operation Underground Railroad United States of America

A marca criou uma nova garrafa PET de 50cl responsável por diminuir 38 toneladas equivalentes a C02 e foi pioneira no lançamento do novo formato de caixa de 10L. Partilhar citação Partilhar no Facebook Partilhar no Twitter “Desde 2010, já reduzimos em 30% o PET utilizado na composição das nossas garrafas, que são totalmente recicláveis”, assinala Sara Ornelas. “Em 2018, os rótulos de papel das garrafas passaram a ser provenientes de florestas sustentáveis com certificação FSCForest Stewardship Council.” Em 2019, a Água de Luso foi distinguida com uma certificação, norma que atesta as melhores práticas ambientais, atribuída pela Associação Portuguesa de Certificação (APCER).

Operation Underground Railroad OUR

Focada no ecodesign, a marca criou “uma nova garrafa PET de 50cl responsável por diminuir 38 toneladas equivalentes a CO2 em transporte e embalagem e fomos pioneiros no lançamento do novo formato de caixa de 10L”, acrescenta a gestora, sobre as medidas mais recentes, focados na origem energética. “Foram ainda instalados 3.150 painéis fotovoltaicos na unidade de engarrafamento da Água de Luso, representando 20% de redução do consumo energético.”

Por fim, a Água de Luso tem sempre em vista o apoio à sua comunidade e ao ecossistema. Exemplo disso foi a plantação de 35 mil árvores autóctones no perímetro de protecção do aquífero da Água de Luso, na Serra do Bussaco. E outra acção que envolveu as pessoas: “por cada inscrição na Meia Maratona de Lisboa de 2019, a Água de Luso comprometeu-se a plantar uma árvore.” Pequenos mas grandes gestos a pensar no futuro e na gestão criteriosa deste bem mais precioso que é essencial à vida: a água. Pura, saciante, natural.Operation Underground Railroad O.U.R.